O Reiki é Bom para Depressão e Tristeza Profunda?

Atualmente no mundo inteiro se recomenda o Reiki para depressão, como uma técnica complementar para ajudar as pessoas a saírem do estado em que se encontram.

É claro que ocasionalmente todos nós sentimos melancolia ou tristeza, mas estes sentimentos são geralmente temporários e desaparecem em poucos dias.

No entanto, quando uma pessoa tem um distúrbio depressivo, isso interfere na sua vida cotidiana e causa uma forte dor emocional, tanto para ela quanto para as pessoas mais próximas.

A depressão emocional é uma patologia comum e a maioria dos pacientes precisa de tratamento para conseguir melhorar. Continue lendo para ver como esta técnica energética pode ajudar uma pessoa depressiva.

Quais são os benefícios do Reiki para depressão e tristeza?

A energia Reiki é capaz de curar e equilibrar em todos os níveis: físico, mental, emocional e energético. Por isso este método ajuda a prevenir doenças, pois mantém em harmonia a proteção energética natural de nosso corpo.

Da mesma forma, ele também ajuda quando o dano já aconteceu, pois é uma força que sempre age em busca da cura, sendo capaz de resolver um transtorno mesmo que não se conheça sua origem.

Benefícios do Reiki para depressão e tristeza

A curto prazo, o Reiki eleva a energia vital do paciente e é altamente eficaz como tratamento inicial de emergência. Lembre que a depressão muitas vezes resulta em uma diminuição dos níveis de energia da pessoa.

Já a longo prazo, o Reiki consegue trabalhar também na causa do problema e não apenas nos sintomas. Mesmo quando essa causa parece estar além do controle da própria pessoa, o método ajuda a mudar a atitude em relação a si mesma.

Recuperação de pessoas com sintomas depressivos que recebem Reiki:

Curto Prazo Efeito paliativo Alivia os sintomas de depressão, fadiga, estresse, etc. Eleva os níveis de energia do paciente. Este efeito é geralmente perceptível após a primeira sessão.
Médio Prazo Eliminação do transtorno Trabalha sobre a própria doença ao longo do tratamento que pode variar de 4 sessões até vários meses, dependendo da gravidade da condição.
Longo Prazo Cura da causa As doenças têm uma origem emocional ou um desequilíbrio do ser. A experiência mostra que, para uma solução definitiva, a origem da doença deve ser investigada a fim de evitar sua recorrência.

Como o Reiki pode ajudar uma pessoa depressiva?

Segundo a medicina tradicional chinesa, a doença ocorre quando há uma estagnação de energia. Por isso o Reiki é um grande aliado para combater a depressão e outras patologias.

Como ajuda o Reiki para tristeza

Ao sofrer de uma doença, o campo energético da pessoa se deteriora ou fica mais fraco, além de vibrar a uma frequência mais baixa.

Através da imposição das mãos, a estagnação é liberada, permitindo que a energia comece a fluir novamente e o equilíbrio energético retorne.

Em outras palavras, a energia Reiki é capaz de aumentar o campo vibratório para que haja novamente harmonia e não ocorram as doenças.

Não há corpos doentes, mas espíritos doentes. A doença não é um evento isolado, mas a consequência de um desequilíbrio entre espírito, mente e corpo.

As sessões de Reiki ativam a capacidade curativa que todos nós temos, permitindo que o paciente se auto-cure e fazendo com que a harmonia do seu organismo seja restabelecida.

Os bloqueios energéticos gerados no passado e que continuam no presente podem ser eliminados durante as aplicações, pois a energia universal permite que se recupere o equilíbrio, promovendo melhorias tanto a nível físico quanto emocional.

Considerações finais

Sem dúvida, esta é uma forma complementar de ajudar a tratar a depressão. O Reiki é uma técnica capaz de gerar auto-cura na pessoa que o recebe, podendo assim evitar o sofrimento de doenças ou ajudar a superá-las de forma natural.

Como funciona o Reiki para depressão

Uma pessoa deprimida costuma sentir-se cansada, com pouca energia, sem vontade de enfrentar o mundo.

O terapeuta canaliza a energia universal para ela, aumentando sua força pessoal e sua vontade de viver e lutar. Ao mesmo tempo a equilibra, permitindo que visualize seus problemas dentro de um quadro mais realista.

Entretanto, deve-se sempre salientar que esta técnica não substitui os tratamentos convencionais, mas os complementa, a fim de alcançar a saúde plena do paciente.

Muitas pessoas com depressão nunca procuram tratamento, sendo que, a grande maioria, mesmo nos casos mais difíceis e persistentes, pode melhorar com um tratamento adequado.

Em outras palavras, o Reiki e a ciência médica não são concorrentes, pois a energia é compatível com qualquer tratamento, sendo um grande complemento que pode ajudar a melhorar mais rapidamente.

De momento foi tudo. Espero que esta informação sobre as vantagens do Reiki para depressão e tristeza profunda lhe sejam de bastante utilidade.

Ficou com dúvidas? Me deixe as suas perguntas mais abaixo nos comentários que lhe responderei assim que puder. Abraços de luz!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 + 18 =

Responsável: Ricardo Correia
Finalidade: Gerenciamento e moderação de comentários
Legitimação: Seu consentimento expresso
Destinatários: Os dados que você proporciona ficarão hospedados nos servidores da empresa Hostinger
Direitos: Você tem o direito de acesso, retificação, limitação e supressão dos seus dados
Veja a informação detalhada sobre a proteção de dados na nossa política de privacidade.