Qual é o Pão Mais Saudável?

Como bem sabemos, o pão branco, o mais comumente vendido, é pobre em nutrientes e rico em carboidratos. Por isso é preferível incorporar outros tipos deste popular alimento na dieta.

É importante ressaltar que a definição de pão saudável pode variar de pessoa para pessoa e a melhor escolha dependerá muito das necessidades e preferências individuais de cada um.  

Então, qual é o pão mais saudável? Que tal mudar para pães integrais? Os multigrãos são realmente bons como dizem? Continue lendo que já vamos lhe explicar tudo sobre este tema.

A diferença entre um pão saudável e aquele que não é tão bom

No Ocidente o pão geralmente é feito de farinha de trigo. A diferença entre o branco e o integral é que, enquanto o primeiro é feito de farinha da qual foi retirado qualquer farelo e gérmen, o segundo é preparado com farinha não processada.

E é precisamente no farelo e no gérmen que se encontra a maioria dos nutrientes importantes: vitaminas, minerais e fibras. Ao remover estes resíduos, a farinha branca perde uma parte fundamental do ponto de vista de uma nutrição saudável.


Mais Sobre Nutrição


Mais especificamente, a farinha integral é rica em fibras, vitaminas B e minerais, tais como ferro, manganês, magnésio, zinco e selênio. Ela também possui um pouco de vitamina E, bem como alguns antioxidantes e ácidos graxos.

Qual o pão mais saudável de todos?

Cuidado com os pães multigrãos!

Muitos lugares vendem pães multicereais que em um grande número de casos não são realmente feitos com farinhas de cereais diferentes. Geralmente são preparados de farinha branca à qual foram adicionadas sementes, que são mais decorativas do que qualquer outra coisa.

Se você quiser um verdadeiro pão multigrão, certifique-se de que foi feito com várias farinhas de grãos diferentes.

Dito isto, os pães feitos com farinhas de vários grãos são uma opção nutricional muito boa, já que cada uma delas tem sua própria contribuição. Entre os cereais mais utilizados para tais pães estão o centeio, a cevada e a espelta (trigo-vermelho).

A propósito, esta última é a escolha preferida pelas pessoas que têm dificuldade de digerir o glúten, já que tem significativamente menos quantidade deste composto do que o trigo.

O pão de espelta é muito saudável

Itens importantes para escolher um pão mais saudável

Algumas das principais questões a ter em consideração são as seguintes:

1. Teor de fibras

Um pão saudável normalmente deveria ser rico em fibras, uma vez que elas são importantes para a saúde digestiva, auxiliam na saciedade, ajudam a regular os níveis de açúcar no sangue e podem contribuir para a saúde cardiovascular.

2. Grãos integrais

Os pães mais nutritivos em geral são feitos com grãos integrais, como o trigo integral, o centeio, a aveia e a quinoa, entre outros. Estes tipos de pão são muito mais ricos em nutrientes em comparação com aqueles feitos com farinhas refinadas.

O pão de centeio é rico em fibras

3. Baixo teor de açúcar

Algumas pessoas que buscam uma alimentação saudável poderiam estão interessadas em pães que tenham baixo teor de açúcar adicionado, uma vez que o consumo excessivo deste alimento pode estar associado a várias condições de saúde, como obesidade, diabetes tipo 2 e doenças cardíacas.

4. Ingredientes naturais

Há uma crescente busca por pães feitos com ingredientes naturais e minimamente processados, sem adição de conservantes artificiais, corantes ou outros aditivos químicos. Pesquisas sugerem que estes elementos podem estar associados a vários problemas de saúde.

5. Restrições dietéticas

Pessoas com certas restrições, como aquelas que seguem uma dieta sem glúten ou vegana, costumam buscar opções de pães que atendam a essas necessidades específicas, como aqueles sem glúten ou os que são preparados somente com ingredientes de origem vegetal.

Como introduzir um pão integral em sua dieta

Se você tem atualmente hábitos alimentares que não incluem fibra suficiente, é certo que deve fazer algumas mudanças de hábitos. Entretanto, é importante que não faça essa mudança de forma muito drástica.

A fibra é muito boa para regular o trânsito digestivo, mas, no caso dos cereais, ela tende a ser não solúvel, o que às vezes pode ser um pouco irritante para a mucosa intestinal.

Se quiser evitar os gases e as dores abdominais decorrentes de uma mudança repentina de uma dieta sem fibras para uma que as inclua em boas proporções, então terá que introduzi-las gradualmente.

Em outras palavras, se até hoje você só comeu pão branco, experimente o pão integral alternando no início as duas opções, ao mesmo tempo em que aumenta de forma progressiva o consumo de outros produtos integrais. Você também pode tentar comer pães que sejam verdadeiramente multigrãos.

Por último, é sempre recomendado ler com atenção os rótulos dos produtos para certificar-se de que o pão que está levando para casa é realmente indicado para uma alimentação mais saudável.

E você, que tipo de pão costuma comer? Que tal começar a consumir um pão mais saudável?

Esperamos que estas dicas e informações lhe sejam de bastante utilidade para começar a melhorar a sua alimentação a partir de hoje. Muito obrigado pela sua visita!

GOSTOU DESTE ARTIGO? AJUDE-NOS A DIVULGÁ-LO:

OUTRAS PESSOAS ESTÃO VENDO:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Responsável: Ricardo Correia
Finalidade: Gerenciamento e moderação de comentários
Legitimação: Seu consentimento expresso
Destinatários: Os dados que você proporciona ficarão hospedados nos servidores da empresa Hostinger
Direitos: Você tem o direito de acesso, retificação, limitação e supressão dos seus dados
Veja a informação detalhada sobre a proteção de dados na nossa política de privacidade.

error: O conteúdo está protegido.