Dicas Eficazes Para Prevenir a Obesidade Infantil: A Chave para uma Infância Feliz!

Podemos falar em obesidade infantil quando há a acumulação excessiva de gordura corporal na criança, especialmente no seu tecido adiposo. Isto pode ser percebido pelo ganho de peso corporal quando se atinge mais de 20% do peso ideal para a idade, altura e sexo da criança em questão.

Infelizmente, mesmo com tanta informação disponível, para muitas famílias ter um filho gordinho ainda representa que ele é “forte e cheio de saúde”.

No entanto, especialistas em nutrição infantil não pensam da mesma forma. Segundo eles, não importa se a criança está gorda ou magra e sim que ela esteja saudável de verdade.

Na última Conferência Nacional de Obesidade e Fatores de Risco Cardiovascular, a obesidade infantil foi apontada como uma doença em rápido crescimento. O fato é que, desde os anos noventa até hoje, a incidência de obesidade infantil mais do que dobrou!

O que e quanto uma criança deve comer?

Na realidade não há uma quantidade exata de alimentos que você deva dar a uma criança. Cada uma tem os seus desejos e necessidades completamente diferentes.

Por causa disso, é a própria criança quem pode dizer exatamente o quanto necessita comer. O que não é aconselhável é forçá-la a comer mais do que deseja, pois isto pode ter um efeito contraproducente.

Normalmente, os meninos comem mais do que as meninas, no entanto, em questão de apetite não podemos generalizar.

Porém, em quanto à qualidade da comida, precisamos ter muito cuidado!

Saiba como prevenir a obesidade infantil de forma efetiva

É necessário evitar alimentos com excesso de gordura e açúcar, pois isso pode causar diabetes, hipertensão e aumento dos níveis de colesterol e triglicerídeos, além da tendência à coagulação acelerada do sangue, entre outros problemas graves de saúde.

Como a prevenção é sempre o melhor caminho, induzir os seus filhos a fazerem algumas mudanças no seu dia-a-dia é um ótimo meio de evitar que eles se tornem obesos.

Só que tudo parte do exemplo que damos a eles… A verdade é que, com a correria do dia, muitas vezes buscamos alternativas de comidas rápidas e práticas, como os fast foods, comidas congeladas, frituras e guloseimas.

O ideal seria parar para saborear uma fruta ou beber um suco natural, mas lamentavelmente isso acaba sendo substituído por um refrigerante e um cheese salada.

Dessa maneira, como preparar pratos variados de saladas e legumes frescos leva o seu tempo, optamos por uma solução prática a ser aquecida no microondas, que na maioria das vezes não nos oferece os nutrientes necessários para a boa saúde e disposição.

Ou seja, a grosso modo, com isto estamos repassando como exemplos de comidas aos nossos filhos pratos cheios de calorias e totalmente vazios de nutrição.

Dicas práticas para evitar a obesidade infantil

Veja a seguir alguns pontos fundamentais para evitar que os seus filhos aumentem de peso gradativamente e se tornem obesos.

– Evitar o sedentarismo

  • Compre presentes de aniversário e Natal que estimulem o movimento, como patins, por exemplo.
  • Envolva outros parentes e amigos nas suas atividades físicas.
  • Dê ênfase à diversão, não à técnica.
  • Seja voluntário(a) em eventos de atividades físicas na escola de seus filhos.
  • Descubra atividades interessantes na sua comunidade, como trilhas, piscinas, parques, clubes e outros.
  • Planeje festas e férias onde movimentos e jogos estejam sempre presentes. Em vez de comemorar o aniversário com uma festinha, reúna os amigos e familiares e passe o dia num parque.
  • Evite deixar a criança mais do que duas horas por dia em frente à TV, videogame, celular ou computador.
  • Atividades físicas e jogos esportivos devem ser praticados diariamente.

Saiba como evitar a obesidade infantil

– Hábitos alimentares importantes

  • A ingestão energética deve ser equilibrada.
  • Ofereça legumes, frutas e verduras durante as refeições.
  • Leite e derivados devem ser consumidos diariamente.
  • Crianças e adolescentes que apresentam hábitos alimentares inadequados devem contar com a intervenção da família.
  • Os pais precisam controlar o que os seus filhos comem e quais os momentos adequados para o consumo de cada tipo de alimento.
  • É fundamental que os pais adotem o modelo “coma o que eu como” e não “coma o que eu mando”.
  • Monte pratos decorados com legumes, frutas e verduras. A criança vai se divertir comendo!

Considerações finais

Como você viu, prevenir a obesidade infantil não é apenas uma questão de saúde, é um ato de amor e responsabilidade para com as gerações futuras.

Ao implementar estratégias eficazes de educação alimentar, promovendo a atividade física e criando um ambiente saudável em casa e na escola, podemos moldar um futuro mais saudável para nossas crianças.

Lembre-se, esta não é uma tarefa que possa ser adiada. Cada escolha que fizermos hoje influenciará diretamente a saúde e o bem-estar de nossos filhos amanhã.

É claro que a obesidade das crianças não é uma batalha fácil, mas juntos, podemos vencê-la.

O que você fará para garantir que seus filhos cresçam fortes, saudáveis e felizes? A hora de agir é agora!

Vamos unir esforços, compartilhar conhecimento e inspirar mudanças positivas nas vidas das nossas crianças. O futuro delas depende de nós, e juntos podemos garantir que seja brilhante e cheio de saúde.

Esperamos que tenha gostado destas dicas para prevenir a obesidade infantil e, o mais importante: que tal colocá-las em prática hoje mesmo? Lembre-se que esta pode ser a chave para uma infância feliz.

Muito obrigado pela sua visita! Deixe-nos seus comentários ou perguntas relacionadas mais abaixo.

6 comentários em “Dicas Eficazes Para Prevenir a Obesidade Infantil: A Chave para uma Infância Feliz!”

    • Olá Joaquim,
      Imagino que você esteja brincando, né?
      Crianças já consomem açúcar em excesso, a última coisa que elas precisam é de bolo de chocolate todos os dias.
      Priorize uma alimentação equilibrada e saudável, e deixe o bolo para ocasiões especiais. #VamosPensarNasCrianças
      Saudações.

    • Olá Paula,
      Desculpe, mas não posso concordar com sua opinião.
      A obesidade infantil é um problema sério que pode ter consequências graves para a saúde das crianças.
      É importante promover hábitos saudáveis desde cedo para garantir um futuro melhor para elas.
      Saudações.

    • Olá Lídia,
      Muito obrigado pelo seu comentário, seja bem-vinda!
      Saudações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Responsável: Ricardo Correia
Finalidade: Gerenciamento e moderação de comentários
Legitimação: Seu consentimento expresso
Destinatários: Os dados que você proporciona ficarão hospedados nos servidores da empresa Hostinger
Direitos: Você tem o direito de acesso, retificação, limitação e supressão dos seus dados
Veja a informação detalhada sobre a proteção de dados na nossa política de privacidade.

error: O conteúdo está protegido.