Como curar tendinite no braço

Atualizado: 07/12/2017

A tendinite é uma inflamação dos tendões, o tecido fibroso que une os músculos aos ossos.

A tendinite do braço é portanto devida à inflamação dos tendões de algum dos músculos localizados nestes membros: bíceps braquial, coracobraquial, braquial ou tríceps braquial.

A afetação mais frequente é a do músculo bíceps braquial, localizado na face anterior do braço, e as dores que são sentidas costumam estar localizadas próximo ao ombro.

Entretanto, a tendinite também pode afetar o cotovelo.

Dependendo das características e da localização da lesão, pode ser conhecida como “cotovelo de tenista” ou “cotovelo de golfista“.

Aprende como curar tendinite no braço

A tendinite pode afetar os cotovelos

Ambas afecções devem seu nome a que são bastante comuns nos jogadores destes dois esportes, mas é claro que não se limita aos mesmos e qualquer pessoa pode tê-las:

  • No cotovelo de golfista, a tendinite afeta a parte interna do cotovelo.
  • Entretanto, no cotovelo de tenista, afeta a parte externa do mesmo.

Como se adquire a tendinite?

As causas deste tipo de tendinite são: movimentos repetitivos, lesões do tendão ou movimentos muito intensos que esticam o mesmo.

Esse tipo de tendinite é comum entre os trabalhadores manuais, esportistas ou inclusive idosos, cujos tendões sofreram lesões microscópicas causadas pelo desgaste.

Quais os sintomas da tendinite?

Os principais sintomas da tendinite do braço são:

  • dor intensa durante certos movimentos;
  • pele vermelha, quente e inchada onde a inflamação é encontrada;
  • dor na palpação da área próxima à inserção do músculo no osso onde o tendão está localizado.

É importante destacar que a tendinite não afeta as articulações correspondentes, como acontece na artrite reumatoide.

Como se diagnostica este transtorno?

O diagnóstico de tendinite do braço é feito através do exame físico pelo médico.

A dor descrita pelo paciente durante o movimento geralmente está presente durante os movimentos ativos, mas a mobilização passiva dos braços pelo médico para realizar o mesmo movimento é indolor.

Em caso de dor persistente apesar do repouso ou incapacidade de realizar certos movimentos, o médico pode suspeitar de ruptura do tendão e solicitar uma ultrassonografia para confirmar o diagnóstico.

A tendinite tem cura ou não?

Sim, a inflamação pode ser eliminada, entretanto, o tratamento da tendinite no braço requer o repouso do tendão afetado e também do músculo correspondente.

Deve ser evitado qualquer tipo de esporte ou exercício. O ideal é imobilizar o braço com uma tala.

A imobilização permite que o tendão relaxe, aliviando a inflamação.

Vejamos agora como curar a tendinite no braço

Vários tratamentos estão disponíveis para ajudar a aliviar os sintomas dolorosos desta condição.

A aplicação de frio local ajuda a aliviar a inflamação: aplique compressas de gelo na área afetada para reduzir o inchaço.

As compressas podem ser aplicadas várias vezes por dia durante 5 a 10 minutos de cada vez.

Você pode tomar analgésicos e anti-inflamatórios que não precisem de prescrição médica, como a aspirina, por exemplo, para aliviar a dor e reduzir a inflamação.

Nas farmácias também tem cremes que penetram nos tecidos dos tendões e aliviam a dor.

Em caso de tendinite crônica, o médico pode recomendar a aplicação de injeções a base de corticosteroides para aliviar a dor.

– A fisioterapia para a tendinite

Você pode iniciar os exercícios de fisioterapia para a tendinite só um par de semanas após ter ocorrido a lesão. Dessa maneira, estará dando-lhe o tempo necessário para se curar.

Os exercícios de fisioterapia devem começar lentamente, fortalecendo os músculos circundantes e apoiando o tendão lesionado.

Levante pesos pequenos (1 kg) em 10 repetições para três sessões.

Pouco a pouco você pode ir aumentando o peso, à medida que sentir que seus músculos vão se fortalecendo.

Se sentir dor no braço, reduza o peso.

A fisioterapia ajuda a melhorar a função do braço e a amplitude de movimento, além de prevenir novos ferimentos.

– Tratamento com ultrassom

Os tratamentos de ultrassom usam ondas sonoras para quebrar o tecido cicatricial no tendão.

Desta maneira, o tratamento aumenta a flexibilidade e reduz a dor.

– Remédio caseiro para tendinite

Esta receita de uso tópico (externo) lhe ajudará a aliviar a dor.

Coloque 2 colheres (sopa) de pimenta caiena em 1/2 xícara de azeite de oliva quente.

Misture bem até ficar uma preparação homogênea.

Aplique este remédio caseiro na área afetada e deixe agir por 20 minutos.

Logo após, lave-se com muito cuidado e seque-se bem.

Repita todo o procedimento 3 vezes ao dia.

Atenção: é importante destacar que a pimenta caiena contém capsaicina, um analgésico natural, mas não é conveniente aplicar esta mistura na pele com feridas, pois isso pode causar ardor e dor.

– Dicas para melhorar a tendinite nos braços

Enrole a área afetada com bandagens elásticas para reduzir o inchaço. As bandagens comprimem o tendão afetado e permitem uma melhor amplitude de movimentos.

Levante o braço quando estiver sentado ou deitado, colocando um travesseiro debaixo do mesmo. A elevação do braço acima do nível do coração reduz a inflamação na área afetada.

A imobilização é necessária durante os primeiros dias da lesão, mas pode resultar em rigidez se o braço ficar parado por muito tempo.

Comece a movimentar o braço lentamente alguns dias após a lesão para manter a circulação sanguínea fluindo através do braço. Lembre-se que a circulação sanguínea promove a cura dos tecidos atingidos.

Como prevenir a tendinite nos braços?

É possível evitar a inflamação dos tendões aquecendo os músculos de forma adequada e progressiva antes de iniciar uma atividade física importante.

Também é necessário fazer exercícios de alongamento após o exercício e tentar evitar movimentos repetitivos na medida do possível.

Bem, isto foi tudo por hoje. Esperamos que tenha gostado destas informações sobre como curar a tendinite nos braços e que as dicas que compartilhamos lhe sejam de bastante utilidade.

Lhe recomendamos que veja também:

-> Como melhorar a artrite reumatoide

Muito obrigado pela sua visita e, se desejar, deixe-nos seus comentários ou perguntas mais abaixo.

Gostou deste artigo? Ajude-nos a divulgá-lo:
Loading...

Deixe aqui a sua pergunta ou comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *